Casa Familiar Rural usou o espaço da Tribuna Popular
Você está em: Câmara de Vereadores de Iporã do Oeste, transparência e credibilidade .: Notícias
  • Casa Familiar Rural usou o espaço da Tribuna Popular
  • Iporã do Oeste – Foi realizada, na última segunda, dia 28 de março, após oitava Sessão Ordinária de 2016, a Tribuna Popular onde  a Casa Familiar Rural expos suas atividades e projetos para 2016. O diretor Ermindo Wergutz e professor Vilmar Rodem destacaram a importância da casa Familiar na formação de agricultores bem preparados os grandes desafios da cada desde o espaço mais amplo para atender a demanda de jovem do município e região.  

    Segundo o diretor da Casa Familiar Rural, Ermindo Vergutz, relatou os projetos que a escola desenvolve com os alunos, e também com os programas que são realizados no município voltados para o setor agrícola. A Casa Familiar Rural de Iporã do Oeste está em contato com os professores da escola francesa. A escola serviu como exemplo de sucesso em um Congresso realizado na França. Foi na França que surgiu a teoria da alternância, em que o aluno permanece uma semana na escola, e outra em sua propriedade ou em uma empresa, praticando o que aprendeu. Na França, são em torno de 400 Casas Familiares, e que contemplam 200 cursos diferentes de Ensino Médio e até Ensino Superior, voltados não apenas para o setor agrícola, mas também de diversas outras áreas como a saúde. 

     

    O vereador Laírton Hahn usou o espaço do Grade Expediente para dirigir a palavra em especial aos jovens alunos da Casa familiar Rural, que estavam presentes na sessão, disse que devem se prepara para ser futuros líderes responsáveis pela agricultura, pela comunidade, pelo município e boa parte do país. Laírton disse que os jovens devem começar a ser líder na sua propriedade, para substituir os pais ou responsáveis e com isso ir respondendo por setores inteiros da qual fazem parte, é preciso assumir essa responsabilidade, da mesma forma na política é preciso ser líder na comunidade se envolver e assumir as tarefas, aparecer, exercer a liderança, ir além da propriedade e comunidade, aproveitar as oportunidades e liderar e representar a sua classe. Ressaltou que, são capazes e precisam se preparar para exercer os cargos políticos tanto de vereadores, secretários, prefeito e deputados, é preciso aparecer se manifestar e se envolver e se tornar lideres, dificuldades existem mas devem ser superadas, é preciso se envolver e com coragem assumir os desafios e ter orgulho do que faz e acreditar. Afirmou que acredita muito num país melhor em um município melhor, é preciso sempre valorizar o que já foi feito e acreditar que podemos fazer melhor.